Colunas

Colombano e Henri Dias encaminham dobrada para as eleições de outubro



ORGANIZAÇÃO
Fernandópolis tem cerca de 2 mil “chácaras” que precisam de regularização fundiária. Além de dar garantias aos proprietários dos imóveis, valorizar as áreas e evitar que o munícipio tenha problemas com a Justiça – existem TAC’s com o MP por esse tipo de empreendimento -, a ordenação permite que os locais tenham a possibilidade de receber investimentos de infraestrutura, fundamentais para que o turismo seja alavancado no munícipio.

ALEXANDRE PEREIRA
O trabalho foi intermediado pelo deputado estadual Alexandre Pereira (SD) junto ao Itesp - Instituto de Terras do Estado de São Paulo. O prefeito André Pessuto (DEM) esteve recentemente na capital paulista para tratar sobre o assunto. Três condomínios de chácaras devem ser regularizados nessa primeira etapa.

DOBRADA I
O deputado Alexandre Pereira (SD) fará dobrada com o pré-candidato a deputado federal Henri Dias, que também integra as fileiras do Solidariedade. O trabalho de Alexandre, que também destinou emendas para a AVCC e outras entidades da região, mostra aquilo que essa coluna havia antecipado. Henri vai para a eleição ao Congresso Nacional.

RACIONAL
Indiretamente, o trabalho do Itesp, que trará benefícios para Fernandópolis, mostra como a união dos nossos agentes políticos facilita as coisas e só contribui para o bem da cidade. Um problema antigo do munícipio vai ser resolvido com a atuação de um deputado que vai dobrar com o candidato que foi oposição ao atual prefeito. Não é difícil diferenciar campanha, lados opostos e o bem comum. Basta senso e hombridade.

SOLIDARIEDADE
O candidato a prefeito de Votuporanga no último pleito, Hery Kattwinkel, também será candidato pelo Solidariedade. Diferentemente de Henri, Hery vai encarar o pleito rumo à ALESP. Ou seja, Henri estará no mesmo pleito de Fausto Pinato (PP) e Hery no de Carlão, O Breve, Pignatari (PSDB). Ousadia e alegria da turma nova.

DOBRADA II
Falando nisso, está bem encaminhada uma dobrada entre o pré-candidato a deputado estadual Renato Colombano (PSD) e Henri Dias. A união é um caminho natural para os dois, que foram adversários do prefeito André Pessuto (UB) nas eleições de 2020. Envolvidos nas conversas se mostraram bastante otimistas com o acerto.

CONVERSA BOA
Fora do grupo situacionista, a união de ambos é vista como um ponto determinante para que seja formado um grupo político capaz de vencer as eleições de 2024. Depois de diversas tentativas em 2020, quando já se vislumbrava a necessidade de coesão entre Colombano e Henri, as conversas amadureceram. Se as coisas avançarem como devem, a junção deve mudar consideravelmente o cenário político local.

OUSADIA
Com a falta de nomes na situação, não é loucura nenhuma pensar que a dupla se tornaria favorita ao pleito de 2024. Aguardemos.


Humores e Rumores

Os bastidores, repercussões e especulações da política local você lê aqui

RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP!
Receba gratuitamente uma seleção com as principais notícias do dia.