Cidades

Recém-nascido atingido por panela segue internado



A Polícia Civil investiga um homem de 44 anos suspeito de atingir o filho, recém-nascido, com uma panela na cabeça. O caso aconteceu no último domingo, 17, na casa da família, em Urânia. O bebê está internado desde o dia da lesão.

Segundo informações da polícia, o homem tentava atingir a mulher, mãe da criança, durante uma briga do casal, mas acabou acertando o bebê.

O delegado Nilton Cangussu disse que a briga foi dentro da casa e, em determinado momento, o homem jogou a panela com a intenção de atingir a esposa, mas atingiu o filho com apenas 30 dias de vida.

“Inicialmente o caso foi registrado como lesão corporal, mas depois de analisar o caso resolvemos indiciá-lo por tentativa de homicídio praticado contra o próprio filho”, diz o delegado.

Depois de atingir o filho, o suspeito fugiu de casa e até esta quarta-feira, 20, não havia sido localizado pela polícia para prestar depoimento e dar sua versão sobre o caso.

O recém-nascido recebeu atendimento emergencial em pronto-socorro de Urânia e foi encaminhado para o Hospital da Criança e Maternidade (HCM) de Rio Preto. Por enquanto, não há previsão de alta médica para o bebê.

RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP!
Receba gratuitamente uma seleção com as principais notícias do dia.


Mais sobre Cidades