Polícia

PM recebe denúncia de bingo e constata mandado de prisão em aberto contra idosa



Condenada pela Justiça por prática de jogos de azar, uma idosa de 61 anos foi detida na noite desta quarta-feira, 21, justamente por suspeita de realização de bingo no mesmo endereço, um boteco do bairro Maria Lúcia, o qual é proprietária.

A Polícia Militar foi acionada para checar denúncia anônima de que estava ocorrendo bingo no bar. No momento da chegada da equipe, nada de ilícito foi encontrado.

No entanto, os pms constataram que havia um mandado de prisão expedido contra a comerciante.

Ela foi conduzida para a Central de Flagrantes, onde tomou ciência da decisão judicial.

Segundo informações do processo, a idosa confessou que explora jogos de azar ("bingo”) desde meados de 2013, e justificou que realiza tal prática para atrair mais clientes para o estabelecimento e, consequentemente, aumentar a lucratividade.

Em janeiro de 2018, policiais civis estiveram no bar e apreenderam diversas cartelas de jogo de bingo, fichas de sorteio de jogos escritos "vale brinde da sorte”, máquina de cobrança de cartão crédito/débito, tabuleiro avulso para marcação de jogo de bingo, diversas bolas numeradas, canetas para marcação, além de certa quantia em dinheiro.

A idosa foi condenada ao pagamento de um salário mínimo, destinado a instituição de caridade, e não quis recorrer da sentença.

No entanto, não fez o pagamento e a Justiça converteu a multa em cumprimento de pena privativa de liberdade, estabelecida em três meses no regime aberto.

RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP!
Receba gratuitamente uma seleção com as principais notícias do dia.


Mais sobre Polícia