Polícia

Juiz Evandro Pelarin manda internar dois adolescentes por brigas em escola



O juiz da Vara da Infância e da Juventude de Rio Preto, Evandro Pelarin, mandou internar provisoriamente dois estudantes da Escola Estadual Victor Britto Bastos, na Fundação Casa. O pedido foi cumprido, na quinta-feira, 4, a pedido da promotora de Justiça, Renata Sanches Fernandes, após uma série de denúncias de brigas dos jovens com outros alunos.

A decisão pela internação foi adotada pela Justiça, de forma preventiva, para evitar mais violência no ambiente escolar, porque os pais dos garotos agredidos pelos adolescentes ameaçavam ir à porta da escola para revidar as agressões dos filhos.

A Polícia Militar cumpriu os mandados de apreensão dos adolescentes na manhã de quinta-feira, 4. Eles primeiro foram apresentados na Central de Flagrantes, passaram pela carceragem da Divisão Especializada em Investigações Criminais (Deic) de Rio Preto, e foram encaminhados para a Fundação.

Segundo a Justiça, os dois jovens já tinham passado por uma série de medidas socioeducativas, antes de serem internados.

Durante os 45 dias iniciais que irão ficar na Fundação, os adolescentes vão passar por avaliação, inclusive com acompanhamento de suas famílias. Com base nestes relatórios será decidido se o tempo de internação será ampliado.


RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP!
Receba gratuitamente uma seleção com as principais notícias do dia.

Mais sobre Polícia