Política

Central Park, empresa responsável pela área azul, não faz repasses para a Prefeitura há mais de um ano, diz vereador



A Central Park, empresa que administra a Área Azul em Fernandópolis, não está realizando os repasses para a Prefeitura de Fernandópolis há cerca de um ano. A afirmação foi feita pelo vereador Cabo Santos (SD) em vídeo publicado nas suas redes sociais.

“Quando vierem cobrar de você a multa, manda eles buscarem na Justiça. Faz mais de um ano que a empresa não faz o repasse para a Prefeitura”, disse Santos, que continuou. “Eu peço ao senhor prefeito a rescisão imediata do contrato com essa empresa”.

De acordo com o vereador, a dívida da empresa com a municipalidade passa dos R$ 250 mil.

Até agosto de 2020 a Central Park deveria repassar 36% do arrecadado com a área azul para a Prefeitura. Em setembro a fatia diminui para 21%. A empresa, em ofício, justificou a pandemia pelos atrasos.

Ainda assim, a demora no pagamento Central Park é recorrente desde o início do contrato. Segundo informações levantadas pela reportagem, em 2019 a empresa pagou a Prefeitura cerca de 120 dias depois do fechamento de cada mês.

A Secretaria de Trânsito da Prefeitura oficiou a Central Park por diversas vezes exigindo o pagamento dos atrasados.

A Central Park, em vídeo publicado nas redes sociais por Nilson Lopes Higino, sócio proprietário da empresa, deu sua versão.

“Com a pandemia ocorreu uma queda significativa em nossa arrecadação, algo em torno de 70 a 75%, o que comprometeu todos nossos compromissos. Não demitimos nenhum funcionário e demos prioridade para a folha de pagamento e para pagamentos de tributos visando a manutenção das certidões negativas, já que a falta das mesmas é ponto para possível rescisão de contrato junto a Prefeitura”.

 

RECEBA NOTÍCIAS NO SEU WHATSAPP!
Receba gratuitamente uma seleção com as principais notícias do dia.


Mais sobre Política